IRPF 2018 OBRIGATORIEDADE DE ENTREGA

IRPF 2018 OBRIGATORIEDADE DE ENTREGA

Em 30/04/2018, expira-se o prazo para a entrega da declaração de imposto de renda.

O prazo parece longo, mas sempre deixamos para o último dia e aí a possibilidade de erros é enorme, veja se você está obrigado a declarar o imposto de renda 2018 e já vá preparando os documentos.

Quem não se enquadra em nenhuma das situações abaixo está dispensado de entregar IRPF 2018.

Fiquem atentos, é difícil, mas a RFB pode publicar atualizações da regra.

OBRIGATORIEDADE DE ENTREGA

Como a tabela de retenção de imposto de renda não sofreu mudanças, as principais regras em relação ao IRPF de 2018 continuam inalteradas.

1 – O contribuinte que recebeu no ano de 2017 rendimentos tributáveis de R$ 28.559,70, o equivalente a R$ 1.903,98 mensais.

2 – Os Contribuintes que tiveram rendimentos não-tributáveis ou tributáveis exclusivamente na fonte acima de R$ 40.000,00.

3 – Que obteve, em qualquer mês, ganho de capital sobre alienação de bens ou direitos, sujeito a incidência de imposto, ou realizou operações em bolsa de valores, mercadorias, de futuros e assemelhados.

4 – Relativo a Atividade Rural

A – Obteve Receita Bruta Superior a R$ 142.798,50.

B – Pretenda compensar no ano-calendário de 2017 ou posteriores, prejuízos de anos calendários anteriores ou do próprio ano-calendário de 2017.

5 – Teve em 31/12/2017, posse ou propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor superior a R$ 300.000,00. Veja que está obrigado a declarar quem tem apenas a posse, como exemplo, alguém que alugue uma casa em valor superior a R$ 300.000,00.

6 – Quem passou a condição de residente no Brasil em qualquer mês e assim se manteve até 31/12/2017.

7 – Quem optou pela isenção de imposto sobre a renda incidente sobre ganho de capital, auferido na renda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de outro imóvel residencial, no prazo de 180 dias.

 

 

Serviços VALCONTAB